SUPLEMENTOS ALIMENTARES

15/05/2012 21:38

Os suplementos alimentares são aliados da performance e indicados principalmente para indivíduos que necessitam de mais energia (hipercalóricos) ou aminoácidos (hiperprotéicos) para realizar seu treino. Todas as pessoas que praticam atividade física com freqüência de 3 vezes/semana e duração de 1h já tem indicação para o uso de suplementos alimentares. A indicação de qual suplemento utilizar varia de acordo com o biótipo e objetivo de cada indivíduo, sendo necessário realizar uma avaliação com um profissional especializado. Os suplementos alimentares mais conhecidos são:

- WHEY PROTEIN: é a proteína do soro de leite, com alto valor nutricional, teor de cálcio e de aminoácidos essenciais, importantes no ganho de massa muscular e melhora do desempenho físico. O excesso pode causar sobrecarga renal.

- BCAA: aminoácidos de cadeia ramificada (leucina, isoleucina e valina) e de origem animal, cujo consumo pode promover o anabolismo protéico muscular e a diminuição da lesão muscular pós-exercício. O excesso também pode causar sobrecarga renal.

- ALBUMINA: é uma proteína de alto valor biológico encontrada principalmente na clara do ovo, leite e sangue. Tem papel importante no reparo e reconstrução dos tecidos musculares após a atividade física intensa. O uso prolongado pode causar danos hepáticos e renais.

- CREATINA: é um composto de aminoácidos, que podem ser encontrados no pâncreas, fígado e rins. A creatina está presente nas carnes vermelhas e peixes. Seu uso para praticantes de atividade física tem efeito comprovado quando utilizado da forma e na quantidade adequada. Doses mais elevadas podem provocar náuseas, desconforto abdominal, fraqueza e tonturas
- CARNITINA: outro composto de aminoácidos cujo armazenamento ocorre no músculo, onde é utilizada para transformar os ácidos graxos em energia. Pode auxiliar na queima de gordura. A dose recomendada pode causar diarréia ou náuseas em algumas pessoas.